Alexandre Frota se desculpa e paga R$ 94 mil a Caetano Veloso: “I love you” | Famosos

[ad_1]

Alexandre Frota chamou o músico de pedófilo – Foto: Reprodução

Alexandre Frota pediu desculpas a Caetano Veloso por tê-lo chamado de pedófilo por se casar com Paula Lavigne, em declarações feitas em 2017, além de outras ofensas. Ao Splash, do UOL, o deputado disse estar arrependido pelas críticas.

“Quero me desculpar com Caetano, sou fã, amo Caetano e não sei como fui capaz de agir assim. Tive um relacionamento importante com Paula na minha vida, me ajudou muito, ela, a mãe, a irmã Kiki. Espero que Caetano que conheci em 82 vire essa página e que um dia a gente possa se encontrar”, disse Frota.

O artista continuou: “A vida é feita de ciclos, fico feliz de encerrar algo que foi inconsequente da minha parte. Caetano, I love you“. Procurado pela portal, Caetano ainda não se pronunciou sobre o pedido de desculpas feita pelo ex-ator pornô.

Em 2017, o cantor e Paula chegaram a abrir, em 2017, o processo por danos morais quando Frota e outros perfis do grupo MBL acusaram Veloso de pedofilia, quando uma entrevista de 1998 recuperada revelou que Paula afirmou ter perdido a virgindade para o marido aos 13 anos.

Alexandre Frota teve pedido para retirar os conteúdos da internet

Em outubro do mesmo ano, Frota teve um pedido feito por um juíz de que deveria retirar os conteúdos de suas redes sociais: “Verificando as publicações indicadas pelo demandante em sua petição inicial, é possível extrair, em exame superficial, que foram dirigidas ofensas caluniosas e injuriosas à pessoa do requerente, o que traduz, a princípio, abuso do direito à livre expressão/manifestação conferido pela Constituição Federal“.

Alexandre foi condenado, no mês seguinte, a pagar uma indenização de R$ 60 mil ao artista e Lavinge. Além disso, em março do ano passado, uma decisão atualizou o valor para R$ 94.457,31.

[ad_2]